Branca e radiante vai a noiva ....

 

 

 

A Candinha frente ao Senhor da Esfera

 

Assisti a mais dois casamentos nas duas últimas semanas.

Casamentos diferentes a corresponderem cada um deles, também, à maneira de ser dos seus actores.

Mas, por ter sido tradicional, vou falar aqui do último. Pois eu, não sou muito dado a inovações quando as inovações não trazem melhorias!

 

 

A mesa da festa da Candinha

 

 

As mesas dos convidados eram identificadas com os nomes de artitas famosos. Nestas fotos temos Morisot

 

 

A nossa mesa estava identificada em homenagem ao Cargaleiro

 

Por ser tradicionalista, casei-me pela Igreja para fazer a vontade à  minha companheira que, desde então, passou a fazer parte das minhas caminhadas. No entanto, nunca fui, não sou e julgo não vir a ser, tão tradicionalista como possam imaginar. Apenas vou à igreja para os casamentos, baptismos e funerais e, fazer as minhas visitas de "click"! E sempre que isso acontece, sinto, a meu lado, a presença do Senhor da Esfera!

 

 

A Candinha espera que nada falte aos seus convidados

 

 

Por isso apelou a uma jovem inspectora para a acompanhar nessa tarefa

 

 

Agora inspecciona as guloseimas

 

Desta vez, acompanhando a nossa amiga Candinha, conheci a Igreja do Cacém, onde vi, branca e radiante, entrar a noiva. Foi para a Candinha, seu noivo, familiares e amigos, um dia de festa que durou sábado e domingo.

Por isso, pela amizade recíproca de todos estes anos, não podia deixar de referenciar aqui esta minha bela caminhada, a seu lado e entre as flores.

 

 

As flores foram companhia na sua beleza

 

 

E se elas eram belas!

 

A todos, Candinha, e Vitor, seu marido, e às suas famílias, faço votos que nos novos caminhos que, de agora em diante, se abrem, haja sempre flores a sorrirem, para vós.

 

 

Agora temos a operação bolo, rematando a festa para convidados mais apressados

 

Muitas Felicidades.

 

 

Sagres, a beleza dos mares que enfeita o rio Tejo para alegrar o Ventor, nas suas caminhadas

publicado por Ventor às 19:34