... para os Duros do Niassa ... para todos.

 

Mais um ano de longas caminhadas, mais uma Páscoa.

 

Mais amêndoas, muitas amêndoas, mais de tudo ... tudo que seja bom, porque as coisas más também acontecem sempre e, como devem calcular, o que todos nós queremos, são coisas boas. E é isso que eu espero para todos vós, tudo de bom e também, nesta Páscoa, muitas amêndoas.

 

Hoje, eu vou comer mais três amêndoas e comendo estas três amêndoas, homenagear os meus "companheiros de guerra" que na Páscoa de 1968 comeram três amêndoas comigo!

 

Todas as Páscoas eu vos homenageio com três amêndoas como as que comi em 1968.

 

Olá amigos!

 

 

A minha homenagem aos meus companheiros de guerra - os Duros do Niassa! Todos vós viveis sempre no meu coração e acredito que não haverá maior irmandade que aquela que nós criamos por terras de África,

 

 

Para todos vós uma feliz Páscoa de 2007. Já passaram tantas águas entre nós. São só 39 anos!

 

 

 

Amêndoas para vós com um abraço do Ventor ...

 

 

 

 

 

 

Todos os anos tiro três amêndoas e com elas eu vos homenageio

 

Não esquecendo todos os outros ... aos Duros, aos Bons, aos Melhores ... 

 

Fez 39 anos, no dia 6 de Abril de 2007, que cheguei a Marrupa onde me juntei a muitos de vós e onde esperei a chegada de outros. Aí fizemos o nosso Cantinho dos Sornas, aí, rodeados por matos e savanas, aprendemos a viver juntos, tal como os mosqueteiros, um por todos e todos por um!

 

Salvé, Duros do Niassa!

Sagres, a beleza dos mares que enfeita o rio Tejo para alegrar o Ventor, nas suas caminhadas

publicado por Ventor às 09:00