Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As Caminhadas do Ventor

Pelos Trilhos da Memória

As Caminhadas do Ventor

Pelos Trilhos da Memória

maidens.jpg

 

Como sabem, o Ventor saiu das trevas para caminhar entre as estrelas.
Ele continua a sonhar, caminhando, que as estrelas ainda brilham no céu, que o nosso amigo Apolo ainda nos dá luz e que o nosso mundo continuará a ser belo se os homens tentarem ajudar..


28.09.12

Mountain View, California


Ventor

Mountain View, é uma cidade da Califórnia, que se situa a sul da Baía de S. Francisco, no Condado de Santa Clara.

Passou a ser assim conhecida pelas suas vistas sobre as Montanhas de Santa Cruz.

Esta cidade californiana, confronta com as cidades de Palo Alto, Sunnyvale, Los Altos, a Baia de S. Francisco e o Aeroporto Federal de Moffett.

Situa-se num belo vale que foi absorvido pelas grandes tecnologias dos tempos modernos e a que deram o nome de Sillicon Valley.

Esta cidade Californiana é a casa de muitas das maiores empresas de altas tecnologias da actualidade, desde 1956, como a Google e mais de cinquenta outras empresas de altas tecnologias, bem como divisões de outras grandes empresas mundiais como a Microsoft, a Nokia, a AOL e mais umas quantas ou, então, já ali tiveram a sua sede, algumas outras. É um mundo à parte!

 
Mountain View - City Hall and the Center for the Performing Arts in the Downtown area
 
Porquê, perguntarão vocês, tudo isto que muitos de nós já sabemos?
Primeiro porque muitos saberão mas, muitos outros, nunca terão ouvido falar! Ou, até, terão ouvido falar de outras Mountain View, que existem nos Estados Unidos e no Canadá e, certamente, noutros locais.
 
Por mim, achei piada porque, quando eu, nos anos 60', caminhava por Lisboa, em horas de lazer, me dirigia ao Centro Cultural Americano, então, na Av. Duque de Loulé, frente à embaixada, comecei a desbobinar nomes como estes, Mountain View, Palo Alto, S. José e, mais que os nomes das cidades, o inesquecível Sillicon Valley.
 
 
Um marco histórico de Mountain View, edifíco considerado histórico, nos Estados Unidos. Foto da autoria de Bobak Ha'Eri tirada da Wikipédia.  This file is licensed under the Creative Commons Attribution 3.0 Unported license
 
Então, eu fazia as minhas caminhadas virtuais, de comboio, como aquelas célebres que iam de Nova Yorque a S. Francisco, com passagem por Chicago, o desbravar destas belas cidades, dos seus arredores e da sua Baia. Tal como as minhas caminhadas de barco e de avioneta pelas regiões dos Grandes Lagos e do rio de São Lourenço (St. Lowrence River), até o Atlântico e vice-versa.
 
Esta Moutain View, começou a ser conhecida no séc. XIX, quando era uma estação de paragem das diligências que circulavam entre S. Francisco e S. José, uma espécie de paragem da nossa Malaposta. Aliás, certamente, muitos de nós, ter-se-ão familiarizado com Mountain View e suas vizinhas, ao ver os velhos filmes de Cowboys, daqueles lados da Califórnia.
 
Mas para mim, Mountain View é muito mais que tudo isso!
Quando entro nos meus Blogs, vejo muitas vezes passar: «Mountain View, Califórnia». Não é uma vez por outra! Considero, até, com bastante assiduidade. Significa isto que, em Mountain View, há gente assídua dos meus Blogs! Só me falta saber se há portugueses, em Mountain View! Mas eu acredito que sim! Acredito que sim porque, como sabemos, onde há mundo, há portugueses e, penso que, na região do Sillicon Valley, devem caber alguns portugueses, certamente. Só tenho pena que, se forem portugueses, não sejam capazes de dizer nada. Podem dizer, seja o que for. Até podem dizer mal que eu não me importo. Se disserem bem, eu fico satisfeito mas, se disserem mal, terei de concluir que tenho de me aperfeiçoar. Digam-me, pelo menos, se são portugueses. Não custa nada!
Eu sei que há muita preguiça em escrever seja o que fôr mas, neste caso, estou com curiosidade!
 
 
Google e o seu esqueleto do dinossauro, em Mountain View, foto tirada da Wikipédia. This file is licensed under the Creative Commons Attribution-Share Alike 3.0 Unported license
 
Os portugueses que eu conheço, mais perto de Mountain View, andam lá pelos lados de Fort Bragg, do lado oposto da Baia de S. Francisco, junto à costa, mais para Norte. Mas, provavelmente, poderão haver outros Fort Bragg e não ser esse. Há pelo menos mais um, na Carolina do  Norte!
Este mundo é muito complicado, não é?
 
Com o início do desenvolvimento das indústrias das novas tecnologias, Mountain View, essa da Califórnia, cresceu, numa década, entre 1950 e 1960, mais de 350%, passando de cerca de 6.500 para cerca de 30.000 habitantes.
Hoje tem cerca de 75.000 habitantes.
Deixo aqui as minhas saudações à cidade Mountain View, no Condado de Santa Clara, na Califórnia.
 

Casa Velha.jpg

A casa velha, implantada na serra do Cercal, debruçada sobre o rio Mira

01.09.12

Neil Armstrong


Ventor

Apolo 11 e Neil Armstrong
 

Era uma vez ... Once upon a time!

A partir de Julho de 1969, ouvi pela rádio, a longa passada de Neil Armstrong, em Vila Cabral, no norte de Moçambique.

"Este é pequeno passo para o homem, um salto gigantesco para a humanidade"

 
Neil Armstrong
 
Quando todos éramos novos, no séc. passado (séc. XX), este homem foi o primeiro a pisar o solo lunar.
 
Recordo-me bem desse momento: foi no som dos altifalantes da Força Aérea, os Hamarlung, do nosso posto de Rádio, colocados na janela para que todos ouvíssemos.
Não sabia, então, quem era Neil Armstrong, mas calculava que, para levar avante a missão de que foi incumbido, não era um homem qualquer. Teria de ser um expert na matéria!
Vim a saber, mais tarde, tratar-se de um piloto naval que lutou na guerra da Coreia. Regressado aos Estados Unidos, passou a fazer testes, como piloto em várias aeronaves de várias construtoras. Foi ele que testou o X-15, o primeiro avião que voou na extratosfera.
 
Interessou-se pela Nasa depois de estudar engenharia aeroespacial, na Universidade de Purdue, em West Lafayette, no estado de Indiana e também foi aceito no MIT-Massachusetts Institute of Technology. Fez parte do novo grupo de astronautas da NASA em 1962 e tornou-se o primeiro astronauta civil norte-americano.
Acompanhou os projectos Gemini e Apolo, realizando o seu primeiro voo no espaço, como comandante da Gemini VII, com a companhia de David Scott.
 
 
A placa deixada na lua em comemoração da chegada do homem ao nosso satélite
 
Mais tarde, acompanhei mais ou menos, as caminhadas de Neil Armstrong, por imagens de televisão e spots de imagens mostradas nos cinemas, então tanto na voga.
Recordo-me bem de numa das suas famosas caminhadas por vários países, ele prestar homenagem aos velhos navegadores portugueses que tempos idos se meteram mar dentro, nos tempos da escuridão. Então Armstrong disse mais ou menos isto: "eles (os portugueses) fizeram caminhadas mais difíceis. Nós (na ida à lua), tínhamos tudo e eles não tinham nada"! 
 
 
The Apollo 11 Prime Crew ( a tripulação da Apolo II, os homens e a máquina que mudaram o mundo)!
 
Prestando a minha homenagem ao homem que nos deixou no dia 7 de Agosto passado, com 82 anos, eu recordo esse belo dia de 20 de Julho de 1969, a sua chegada à Lua, o seu pequeno passo lá dado e também, as minhas caminhadas por Vila Cabral, em Moçambique.
Aproveito, também, para prestar a minha homenagem àqueles que foram seus colegas nessa missão, Michael Collins e Edwin Aldrin.
Até sempre, Armstrong!

Casa Velha.jpg

A casa velha, implantada na serra do Cercal, debruçada sobre o rio Mira