Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Caminhadas do Ventor

Pelos Trilhos da Memória

Pelos Trilhos da Memória

As Caminhadas do Ventor

Como sabem, o Ventor saiu das trevas para caminhar entre as estrelas.
Ele continua a sonhar, caminhando, que as estrelas ainda brilham no céu, que o nosso amigo Apolo ainda nos dá luz e que o nosso mundo continuará a ser belo se os homens tentarem ajudar..

13
Mar06

Mais um raid sobre o Alentejo

Luiz Franqueira - Ventor

Mais um raid e mais uma observação de passagem sobre estas lindas meninas albi-negras. Estas são as minhas meninas que me acompanharam por terras africanas e foram, também, belas companheiras de guerra.

Esta aldeia de cegonhas é um marco belo na caminhada de todos que por ali passam.

Junto à barragem de S. Domingos assisti a um bailado entre uma cegonha e uma águia, afastadas mas a reclamarem que o mundo é de todos e nos céus alentejanos estas duas belezas cohabitam e mantêm os seus propósitos.

É com as cegonhas que eu reabro novas caminhadas do Ventor.

 

 

Elas executam um bailado para o Ventor

 

 

Uma aldeia jovem de cegonhas velhas

 

 

A aldeia velha de cegonhas jovens

Sagres, a beleza dos mares que enfeita o rio Tejo para alegrar o Ventor, nas suas caminhadas

1 comentário

Comentar post

Jan 06,07 009.jpg

O Quico e o Ventor

O Ventor e o Quico caminhavam sempre, lado a lado. O Senhor da Esfera levou o Quico e três anos depois, apareceu o Pilantras para acompanhar o Ventor


Pilantras, está com o Quico e o Ventor


ventor.jpg


Eu sou o Ventor de milénios atrás e esse, em cima, sou eu nos tempos actuais.

Mais sobre mim

foto do autor